Entendendo os Algoritmos das Redes Sociais

mark-zuckerberg 25 de abril de 2016 Nenhum Comentário Postado por Rene Milagres

Atualmente as redes sociais utilizam sofisticados algoritmos para determinar a relevância do conteúdo que será mostrado ao usuário. Isso afeta diretamente a visibilidade de uma empresa e para otimizar a sua presença na plataforma é importantíssimo saber como esse algoritmo funciona para então adequar seu conteúdo.

Facebook

O Facebook realizou três grandes mudanças no algoritmo do feed de notícias. Diante desta era digital que estamos vivendo atualmente as redes sociais estão sentindo cada vez mais a necessidade de adequar e tornar seus serviços mais eficientes. Pensando nisso, o Facebook promoveu mudanças em seu feed de notícias com o objetivo de mostrar ao usuário aquilo que realmente importa e interessa ao mesmo. Antes da atualização a rede social recebeu diversas sugestões de usuários e atendendo as mais relevantes proveu três grandes atualizações.

1 – Mais informações advindas de uma mesma fonte.
O Facebook possuia, antes das atualizações, normas que impediam que publicações de uma mesma fonte(tanto uma página como o perfil de um amigo) aparecessem em uma mesma fila no feed de notícias. contudo, atualmente o foco é cem por cento voltado ao usuário, mas a atualização pode ser vantajosa ou não para páginas de marcas. Caso o usuário goste mais das publicações feitas por elas, será possível ver mais conteúdo de uma mesma página. Se você preferir as atualizações dos amigos, o conteúdo das páginas irá diminuir.

2 – Postagens de amigos próximos.
Essa atualização se mostra mais interessante para usuários com um maior número de amigos e seguidores(conexões na rede social em geral). Nesses casos, há uma grande quantidade de conteúdo novo a cada dia, o que pode te fazer perder publicações daqueles que realmente interessam, os amigos mais próximos.
Com esta novidade o Facebook evitará que você perca novas atualizações importantes pois serão mostrados novos links, status, fotos e videos dos amigos mais próximos. Além disso, se você prefere e interage mais com determinadas páginas, o conteúdo delas aparecerá sempre em destaque para você. esta mudança tem como objetivo fazer com que o feed de cada usuário seja de acordo com suas preferências e interesses reais.

3 – Ocultando postagens curtidas por amigos.
A terceira e úlima mudança desta sequência tem a ver com a principal reclamação dos usuários na pesquisa realizada pelo Facebook. São elas: as postagens curtidas pelos amigos. Diversas vezes postagens curtidas e/ou comentadas por amigos enchem o feed de notícias de usuários que não têm interesse em vê-las. Agora, essas publicações terão um espaço menor e mais discreto. Elas irão aparecer em uma parte mais abaixo na página, deixando os destaques para os conteúdos que realmente são do interesse e considerados importantes para cada usuário da plataforma.

O principal foco das atualizações é promover ao usuário um feed de notícias mais limpo e amigável. As páginas, porém, podem sair prejudicadas com isso. Tudo irá depender da composição do público e da atividade do post. Em alguns casos, o alcance pode diminuir consideravelmente. Para que essas páginas garantam seu espaço devem continuar publicando conteúdos que seu público considere de fato significativo.

Twitter

No começo do ano o Twitter virou notícia ao anunciar que mudaria seu algoritmo, com a timeline deixando de mostrar os tweets em ordem cronológica reversa e agora mostrando primeiro os “tweets que você provavelmente gostará mais”, assim como já acontece no Facebook. Apesar do grande criticismo dos usuários, a nova timeline passou a ser a configuração default no meio de março.

O suporte do Twitter não dá muita informação sobre como os tweets que aparecem primeiro são escolhidos. Apenas um parágrafo, que foi adicionado em fevereiro, diz que são selecionados “com base nas contas com as quais você mais interage” e “nos tweets com os quais você se envolve”.

Como o novo algoritmo, é necessário que as empresas gerem um conteúdo excepcional que leva a um engajamento significativo (curtidas, retweets, respostas). A importância da criação de conteúdo relevante sempre foi alta, porém agora, isso é recompensado e ressaltado na timeline.

Um tweet com uma imagem, por exemplo, recebe muito mais engajamento. É necessário focar na geração de contúdo visual, material relacionado a sua marca, no uso hashtags relevantes (mas com moderação), e, no geral, informação interessante para a sua audiência.

O Twitter Analytics é uma importante ferramenta pra descobrir quais tweets receberam o maior número de impressões, cliques em URL, expansões e etc. É esse o tipo de informação que é necessária para saber qual o tipo de conteúdo e formato de tweets foram mais efetivos com a sua audiência e guiar a criaçao de novo conteúdo. O analytics ainda mostra informações sobre a sua audiência orgânica incluindo o tipo de conteúdo que estão interessados.

A mudança é relativamente nova e ninguém sabe exatamente ao certo os seus efeitos, mas é necessário sempre analisar os números e aprender como melhorar sua estratégia.


Escrito por Cristoffer Gregori e Gabriel Soares, graduandos em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Viçosa e trainees do Departamento de Comunicação da No Bugs.

Sobre - Rene Milagres

Graduando em Ciência da computação pela Universidade Federal de Viçosa e Gerente de Comunicação da No Bugs.

Veja também...

0 Comentários

Deixe o seu comentário!